Quem trabalha com e-commerce sabe que a principal função do marketing digital para a sua empresa é atrair tráfego para o site e converter esses visitantes em clientes que fecham uma compra com você. Links patrocinados, disparo de e-mail marketing e banners em sites e blogs são todos pensados com esse objetivo em mente e o ROI da conversão de cada estratégia é acompanhado a todo instante.

Você também pode gostar de ler sobre inbound commerce – clique aqui

Quem são as pessoas que não estão convertendo?

No entanto, existe todo um mundo do marketing digital que está além da métrica de conversão. Segundo a Hubspot, maior organização do setor de Inbound Marketing, cerca de 98% da audiência que acompanha o seu site, seu blog e suas redes sociais não convertem.

E isso acontece não porque sua empresa não está oferecendo as melhores oportunidades de negócio, mas porque essas pessoas ainda não chegaram em seu momento de compra ideal.

Isso significa que elas estão passando pelos estágios do processo de compra anteriores à conversão, principalmente na fase do reconhecimento do problema e da consideração da opções de solução.

Para esses 98% de audiência, as estratégias de Inbound Marketing são essenciais para tornar a sua empresa parceira desses leads durante todas as fases do seu processo de compra e se tornar a opção principal quando eles, de fato, chegarem no momento de fechar o negócio.

Estratégias de Inbound Marketing para aumentar a conversão do seu e-commerce

Confira quais são as principais estrategias que sua empresa pode colocar em prática hoje para aumentar a taxa de conversão da sua audiência em leads.

1. Nutrição de leads por e-mail

O processo de nutrição de leads é um dos que mais trazem resultados para o e-commerce. O objetivo dessa tática é transformar o visitante do seu site em um lead e iniciar um relacionamento próximo entre ele e sua marca, por meio do envio de mensagens e conteúdos do seu interesse por e-mail.

A estratégia da nutrição é acompanhar o lead durante todas as fases do processo de compra, informando-o e educando-o sobre o mercado em que você atua e sobre a solução que sua empresa oferece.

Para isso, claro, é preciso focar em uma em estratégia de geração de leads, principalmente nas que trocam conteúdo de qualidade por dados de contato, como ebooks e materiais úteis com download gratuito.

Sugestão de leitura:

2. Ações que impactam os clientes que deixam seus carrinhos abandonados

Um dos maiores problemas enfrentados pelos e-commerces são os temidos carrinhos abandonados, quando os leads chegam a conferir as promoções enviadas por e-mail ou disseminadas por e-mail de publicidade, mas não realizam o check out.

O motivo por trás disso é que quando o cliente está adicionando os produtos ao seu carrinho, ele ainda está em um dos seus estágios iniciais do processo de compra, e ainda não se considera pronto para efetuar a compra. Conforme vai passeando pelo site e selecionando os produtos, o internauta está sob efeito do desejo e da emergência de aproveitar a promoção.

No entanto, quando chega no check out começa a se perguntar: estou realmente precisando desse produto? Será que não encontro produtos similares mais baratos? Será que estou pagando muito caro por esses itens? Resolve então, abandonar o carrinho até ter certeza de que realmente quer efetuar aquela compra.

Para evitar que isso aconteça e converter os clientes que abandonaram seus carrinhos a sua loja virtual, algumas táticas têm se mostrado muito eficazes. Entre elas, o envio de e-mails oferecendo os mesmos produtos com algum desconto especial ou com frete grátis, e o remarketing, estratégia que mostra os produtos anteriormente escolhidos pelos clientes em banners em sites e redes sociais em até 24 horas após sua última interação.

3. Criando relacionamentos com e-mails transacionais

Os e-mails transacionais são as mensagens enviadas para cada cliente do seu e-commerce, de forma individualizada, após uma ação e\ou interação específica que ele tenha realizado em seu site.

São e-mails transacionais, por exemplo, os que avisam quando a compra foi efetuada, que enviam por e-mail o boleto para ser pago, os avisos de encomenda e de rastreio de mercadoria, os que agradecem por ações específicas realizadas pelo cliente, a confirmação de pedidos especiais, alterações de conta, assinatura da newsletter ou de notificações do blog, entre muitos outros tipos.

Os e-mails transacionais são obrigatórios para manter uma relação próxima entre a empresa e o cliente, mantendo uma comunicação clara, eficiente e objetiva durante toda a sua experiência e abrindo um canal de comunicação interativo. Além disso, os e-mails transacionais mostram que a empresa está acompanhando individualmente cada passo do cliente, e que se preocupa que cada interação seja

Caso sua empresa ainda não tenha criado seus e-mails transacionais, não espere nem mais uma semana. Crie comunicações eficientes e traga, em cada e-mail, dicas de conteúdos para serem lidos no blog, barra com promoções e os botões para as redes sociais. Além de, claro, fornecer ao cliente a possibilidade de responder cada mensagem com suas dúvidas e questionamentos.

Crédito de imagem: Freepik

Compartilhe!

Facebook 0
LinkedIn 0
Twitter

Cadastre-se na nossa newsletter:

Após longo período dedicado a propaganda, planejamento e branding como criativo ou como profissional de marketing, criei a DuoHub, uma empresa que acredita que gerar novas conexões é gerar valor para as marcas e conversões através do Inbound Marketing.